Comunicado!

Meu domingo (15/09), começou às 05h30, quando acordei, sem sono, preocupado por não ter nem 11 jogadores disponível para o jogo.

Entramos em campo com: 1- Sílvio, 2 -Neto, 3- Cabeça, 4- Ceará, 6 Iury; 5- Dárcio, 7-Tunico, 10- Reis, 8- Itaécio, 9- Moacir*.

Entrei em campo, confesso, que tomaríamos 10 gols e não faríamos nem um.

Tomamos 1, 2 e com 10 minutos Itaécio sente uma lesão e o que já era ruim, se tornava pior. Até porque Moacir entrou apenas para fazer número, já que não joga futebol.

Tomamos mais 2 gols. 4 x 0. meu choro no fim do primeiro tempo era a sensação de que sairíamos de campo com uns 15 x 0. Todos os jogadores repetiam a mesma frase: “Sílvio, tá difícil. Não vamos aguentar”.

Reunir o pessoal no meio do campo, no intervalo e pedir um pouco de força (mais?).

Decidimos jogar só atrás. A prioridade era não tomar gols. E não tomamos gols no segundo tempo. Seguramos o jogo com 7 jogadores em campo e eu defendi bolas que nem sei como. Resultado final: Santos 4 x 0 Paiaiá. Nós fomos foda hoje. Nos livramos de uma humilhação.

Cheguei em casa chorando… Mas é hora de tomar algumas decisões mais radicais, como conversamos no campo. Meu tempo de tolerância terminou hoje.

Portanto, comunico que queremos comprometimento com o time.

Jogadores que tiver o compromisso de está com o time todos os jogos, claro, com exceção de motivo de saúde, trabalho, etc., não preciso de jogadores mais aqui que venha apenas esporadicamente.

Sempre os recebi, todos, com muito carinho e respeito. E isso continuará. Mas jogadores como Rodrigo (um craque), Thiago, Amarelo, Allef, Regis, etc, eu preciso de um SIM ou NÃO.

Se não for para ter esse tipo de comprometimento, eu agradeço de coração, o tempo que estiveram aqui, nos ajudaram e muito a construir a história do Paiaiá Futebol Clube, mas para vir esporadicamente eu não preciso mais. Muito obrigado mesmo.

Estamos nos reorganizando…

OBS.: O TIME NÃO TEM DATA PARA VOLTAR A JOGAR.

PAIAIÁ FUTEBOL CLUBE, MAIS QUE TIME!

4 comments

  1. É decepcionante sair de casa pra jogar futebol, e quando chegar no campo não ter jogadores suficientes pra jogar uma partida. Parabéns pela atitude dos q estavam em campo.

  2. Peço desculpas, pois, apesar de ter avisado com antecedência, tentei, sem sucesso, trazer alguém para suprir minha falta e não consegui. Entretanto, essa fala de tentar fechar um grupo já está em pauta faz tempo e precisamos chegar num ponto, no mínimo humilhante para “decidirmos” tomar atitude de conversar realmente sobre o assunto. Esperamos agora uma postura de cada um e observem que o problema principal, aqui e agora, não é financeiro e sim de falta de material humano. Mais uma vez, peço desculpas a todos, mas principalmente a Tonico que aguentou mais essa barra.
    PARABÉNS para a galera que esteve presente hoje.

  3. Pelo noticiado chegou a hora de dizer um até logo…Muito obrigado Paiaiá, mas infelizmente minha agenda está muito corrida e não consigo mais acompanhar todos os jogos. Quem sabe um dia voltarei com força máxima. Por agora desejo sorte a todos. que seguirão honrando a camisa do clube. Abraços à todos.

    1. Thiago, o noticiado não é uma atitude radical, mas uma necessidade. Está ficando cada vez mais difícil marcar jogo e ficar , de certa forma, “implorando” para que os jogadores compareçam ao campo. Por isso, preciso ter um número de jogadores com o compromisso de comparecer aos domingos.
      Eu que agradeço sua contribuição, mas resssalto que as portas estarão abertas para quando tiver disponibilidade de voltar, como era antes. Obrigado!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *