Campo de futebol de várzea, também é lugar de mulher!

O futebol não é um esporte apenas para os homens, pois algumas mulheres gostam e acompanham tanto quanto eles. E o mais incrível de tudo é que muitas mulheres sabem mais sobre futebol do que muito marmanjo que se acha por aí.

Em meio a esse mundo predominante machista, a mulher já se inseriu de forma evidente. Estamos falando do futebol profissional, certo? Errado.

Na zona sul de São Paulo, mais precisamento no bairro do Pedreira, há o time do Benfica, fundado por João Ribeiro, conhecido como Joãozinho, em que é comandado por uma mulher. Quem diria que encontraríamos uma mulher como técnica de um time de futebol de várzea. Pois é, estamos falando da técnica Letícia Barbosa.

Letícia Barbosa nasceu em Jaboatão dos Guararapes, PE, mas mora há muito anos em São Paulo. A paixão pelo futebol vem de criança e há 28 anos ela acompanha os jogos do Benfica.

Aos domingos, 07h00, lá está ela, no CDC Represa Nova, à beira do campo, gritando, gesticulando, protestando a cada passe errado, anda de um lado para o outro e vibra a cada gol marcado.

Perguntada o que a motiva acordar tão cedo em pleno domingo para ir a um jogo de futebol de várzea, ela é enfática ao responder: “eu amo isso aqui”.

Letícia, por várias vezes, também ouve reclamação dos jogadores quando  faz uma substituição errada. “Você mexeu no time errado”, disse um dos jogadores após uma derrota do time.

Ela não admite que os seus comandados façam corpo mole e reclama muito quando um jogador perde uma bola dividida. “Tem que chegar firme”, esbraveja. Assim como vibra quando o seu jogador ganha uma jogada: “boa, Paulinho”(risos).

Claro que há o respeito. Engana-se quem pensa que por está em meio a um monte de marmanjos não haja o respeito, não apenas a mulher, mas sobretudo a técnica Letícia Barbosa.

Com seu jeito de durona enquanto a bola tá rolando, após o jogo se torna uma pessoa muito agradável e simpática.

O Benfica perdeu esse jogo em que estreava seu novo uniforme (fotos) e Letícia Barbosa, uma técnica que não suporta ver seu time perder, saiu de campo planejando mudanças na escalação para o próximo jogo.

É mais do que necessário que parem de dizer que campo de futebol de várzea não é lugar de mulher. Lembre-se: o lugar da mulher é onde ela bem entender!

Se ela quiser ir ao estádio, toda uniformizada, ela poderá ir. Se ela quiser apitar o jogo, ela também poderá fazer! Se ela quiser torcer de casa, ela também pode. Se ela, assim como Letícia, quiser ser técnica de um time de várzea, ela também tem capacidade para ser.

Então, o campo de futebol de várzea, também é lugar de mulher!

Reportagem e fotos: Carlos Sílvio

 

 

3 comments

  1. Boa noite cara amigo silvio aquem eu o admiro muito como pessoa e como um grande goleiro
    Vem aqui lhe agradeser por tudo isso q vc falou sobre minha tecnica de futibol
    Leticia Eu joao mais conhecido como joaozinho do Benfica timo q eu amo de coracao e fazendo deste time um filho

    Eu peguei o Benfica bebezinho,entao eu falei vou cria
    E hoje so o presidente deste time com muito orgulho,
    Faco o possivel i oenpossivel para q todos domingao eu esteja dentro de campo com meus 4.9 correndo junto comimha molecada hoje eu sou o vovozinho do Benfica e com muito orgulho

    Quero aqui agradeser vc por essa linda materia em omenagem as mulher especial a minha tecnica q eu defendo atodo custo letecia nao éuma tecnica ele tambem é um tudo para o Benfica e seus atleta elajuda fora e dentro do campo.
    Se tem algo errado ela me chama e dis esta errado isso eu ouso e falo vamos junto concerta chamos nosso diretores tentamos corregir os erros

    E assim vai dano certo em tudo.
    Ela nao aceito mesmo corpo mole ela nao aceita erros ela grita ela briga
    Ela fala tudo, doa aquem doer mais isso é para avitoria aconteser apois essa derrota q sofremos em nossa inaugucao do nosso uniforme em nossa ARENA REPRESA NOVA saimos para joga fora 2 jogos e 2 vitoria estamos procurando- o melhor para nossa equipe atmbem fala para todos varzeano ,os amante do futibol ,q fassao como eu dei uma oportunidade mais para as mulher
    Nao seja machista pais elas sabem bem do futibol aleticia nasceu na beira do campo é doente por futibol e muito mais por essa camisa

  2. Muito obriga pela linda materia e quero convidar o paiaia futibol club para nos faser uma visita em nossa ARENA REPRESA NOVA .silvio as portas aberta venha

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *