A temporada 2017 e seu último jogo

Olhando para toda temporada 2017 e traçando um paralelo com o último jogo do ano, veremos que um é reflexo do outro.

Iniciamos a temporada com derrota no dia 05/02 contra o time Amigos da Praça 9 e saímos de campo, depois de uma atuação ruim, com uma derrota por 3 x 2.

Começamos o jogo de hoje contra o time do CAP e saímos de campo, depois de uma atuação ruim, com uma derrota por 3 x 2.

Com um chute ruim de Binho, que o goleiro ficou com as penas nas mãos, o Paiaiá fez 1 x 0.

Não demorou muito para o Paiaiá cometer a primeira falha do jogo: um erro de posicionamento, o CAP aproveitou muito bem para empatar o jogo com um golaço.

Após a derrota de estreia o Paiaiá venceu três partidas seguidas. Nessas três vitórias, contra o ABC foi nossa melhora apresentação. E depois de uma empate, no quarto jogo da temporada, o Paiaiá FC começava a famosa má fase.

No jogo de hoje, após o gol de empate, o que se viu em campo foi um time desorganizado, desconcentrado e desatento em campo. O resultado disso não poderia ser diferente que não uma virada no placar: Paiaiá 1 x 2 CAP.

O fim do primeiro semestre, além das derrotas ( 4 seguidas), uma sequência de 6 jogos sem vencer, o Paiaiá FC não conseguia fazer um jogo, ao menos para sair de campo com algo positivo.

Assim como a derrota por 2 x 1 no primeiro tempo do jogo de hoje, o Paiaiá não demonstrava sinais de que os jogadores estivessem confiantes.

Assim como voltamos para o segundo semestre e vencemos  dois jogos seguidos, o time não se apresentava com a qualidade que é marca desse time: o toque de bola.

Voltamos parta o intervalo e tentamos pressionar o adversário. Mas era uma pressão tímida e com popuca qualidade.

Mesmo assim, conseguimos empatar o jogo com Binho. Com o empate era a hora de o time se acalmar, colocar a bola no chão e suportar um calor terrível.

Sim, tivemos o melhor segundo semestre da nossa história, assim como era o nosso melhor momento do jogo.23031504_1647154091997307_7092283067820941241_n

Foram 22 jogos sem perder e grandes apresentações. Jogos, como a vitória por 4 x 2 contra o nosso time que ficará marcado.

Toda e qualquer invencibilidade um dia chegará o fim. Talvez seja mais doloroso quando esse fim é indigesto. Ou seja, perder um jogo fazendo uma péssima apresentação.

Foi através de mais uma falha coletiva que sofremos o gol da derrota e pôs fim a uma sequência de 22 jogos sem derrota.

Série essa que começou após a última derrota, no dia 16/07, contra o Democrata, nesse mesmo campo.

Terminamos o ano como começou: uma derrota pelo mesmo placar.

Claro que não é fácil jogar no calor que estava na hora do jogo. Mas isso não é o principal fator que causou a derrota. Fomos derrotados pela falta de organização tática e concentração.

Como diz a velha máxima do futebol, com todo respeito ao adversário, “perdemos pelos nossos erros”.

Para a próxima temporada irá se juntar a esse grupo dois grandes amigos e conterrâneos:

Biro Biro, jogador que vem para fortalecer o nosso time;

Peri, será o nosso técnico. Estará comando e nos ajudando de fora do campo.

Sejam bem vindos.

Obrigado a todos que compareceram no jogo de hoje.

PAIAIÁ FUTEBOL CLUBE, MAIS QUE UM TIME!

 

 

One comment

  1. Temos que nos conscientizar de que o PFC não vive na dependência de um único jogador. Que essa temporada sirva como exemplo para todos.
    Tentei fazer o melhor e continuarei tentando sempre.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *