Defender três pênaltis no mesmo jogo, pode pedir música

Mais um teste de fogo para o Paiaiá Futebol Clube. Jogo no CDC Santos Cidade Dutra contra a jovem e forte equipe do Se Liga FC do Guarapiranga. Como o time do Paiaiá FC gosta de grandes desafios, esse seria mais uma prova de fogo.

Fomos para o jogo com um bom número de jogadores, 16 no total e, entramos em campo com a seguinte escalação: 1 Sílvio, 2 Jojó, 3 Zé Elson, 4 Rui, 6 Thiago; 5 Márcio, 8 Gabriel, 7 Neto, 10 Rodrigo; 11 Tunico, 9 Binho.18697995_1493431424036242_5904035458171651228_n (1)

No par ou ímpar para ver quem daria o ponta pé inicial o Paiaiá FC levou vantagem. Começamos tocando a bola com o intuito de observar a postura do adversário, pois se tratava de um time jovem.

Aos poucos, o Paiaiá FC foi , de certa forma, se sentindo mais confiante que que poderíamos imaginar ao ver o adversário. Tocávamos a bola e mantínhamos a concentração na parte defensiva. Podemos dizer que fomos mais perigoso do adversário.

Isso ficou provado em duas chances claras de gols,desperdiçadas por Binho e Tunico, frente a frente com o goleiro.

No futebol exitem alguns clichês que por muitas vezes só acreditamos quando presenciamos: “quem não faz, toma”. Perdemos a bola na nossa intermediária e o adversário, em sua única chance clara de gol no primeiro tempo, fez 1 x 0.18700250_1493433567369361_8679186442821048161_n

A princípio parecia que o time iria sentir o gol, mas não foi isso que aconteceu. O time se postou corretamente e com Rodrigo, cabia a função de organizar as jogadas. Função quem sabe fazer melhor do que ninguém.

Binho, que perdera uma chance clara, demonstrava vontade e procurava o jogo despertando a ira no adversário.

O primeiro tempo acabou em 1 x 0 e cabia ao Paiaiá FC não pensar em outra coisa que não fosse fazer o gol de empate.

Voltamos para a etapa derradeira com as seguinte alterações: Diogo no lugar de Neto; Guduga no lugar de Thiago, na lateral esquerda; Allan no lugar de Tunico, que não fez um bom primeiro tempo.

Procuramos tocar a bola e não dar espaço para o rápido ataque do Se Liga FC. Nossa defesa mais parecia uma muralha. Não passava nada. Não tivemos as mesmas chances claras que tivemos no primeiro tempo, mas o time assumia o controle do jogo.

Igor entrou no lugar de Gabriel e Allan recuou um pouco. A ideia era ter um ataque mais veloz , mas tanto Igor quanto Allan, não fizeram uma boa partida.

Quando tudo parecia que o gol do Paiaiá era um questão de tempo, pênalti para o adversário. Naquela altura, tomar um segundo gol era praticamente impossível evitar a derrota. Mas entrava em cena o goleiro do Paiaiá FC, Sílvio, para defender o primeiro pênalti do jogo.

O Paiaiá FC estava mais vivo do nunca no jogo.

Lio Bala entrou no lugar de Jojó. Este que fez uma excelente partida. Aos 49 anos esbanja vigor físico.18767844_1493449964034388_5283577274627521336_n

Água mole e ….Foi num belo cruzamento de Márcio, pela direita, que o brilhante atacante Binho, ,manteve sua média de um gol por partida. Paiaiá 1 x 1 Se Liga.

Com 1 x 1 no placar cabia ao Paiaiá FC não entrar em desespero. A partida já se encaminhava para os últimos minutos e tudo levaria a crer que o troféu seria decidido nos pênaltis.

A várzea tem algo peculiar: tudo é de acordo com o tempo. Três pênaltis para cada time. Pênaltis, não. Tiros livres direto da marca penal.

O Se Liga executou a primeira cobrança e fez; Rodrigo empatou. Era a vez do goleiro do Paiaiá FC, Sílvio, entrar em cena e defender de forma magistral as duas cobranças seguinte. Mesmo com Diogo desperdiçando , coube a Binho garanti o troféu na última cobrança.18740439_1493479477364770_7490372031338508981_n

Foi mais um jogaço. Todos estão de parabéns. Jogo para não esquecer. Que jogo, amigo!

Foi o jogo do goleiro do Paiaiá FC. Goleiro, uma arte que não permite improviso.

Ah, claro que tenho direito a pedir música. E a música é ” WITH A LITTLE HELP FROM MY FRIENDS ( com uma pequena ajuda dos meus amigos) da maior banda de todos os tempos, The Beatles. Música que faz parte do álbum Sgt. Peppers (Sargento Pimenta) , que completa 50 anos dia 01/06 como um dos mais importantes discos de todos os tempos.

O nosso abraço hoje vai para o amigo João Camilo Cunha. Cidadão Novasouriense lá em Salvador- Ba. Abraço.

PAIAIÁ FUTEBOL CLUBE, MAIS QUE UM TIME !

 

4 comments

  1. Realmente, + 1 belo jogo do PFC. Quem assistiu observou uma concentração de todos, dentro e fora de campo, em especial do quarteto da zaga + Gabriel. Foi um jogo daqueles que faz a gente arrepiar e vibrar a cada lance. Durante o jogo, fizemos o que deveríamos fazer sempre, principalmente quando atingimos uma certa idade (>38), pois
    a cada dia se aproxima o dia D; D parar. Só nos resta fazer o melhor para lembrarmos com muita alegria. Valeu galera. (Como disse Totti hoje em sua despedida: “o tempo é…”)
    Obs. Tonico (goleiro), só esqueceu de mencionar que o primeiro pênalti que defendeu teve participação minha kkkkk.

      1. Na verdade não gosto de falar nada para não confundir, mas o cara tomou a bola do companheiro e disse: pode deixar vou “humilhar”…

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *