A vitória da garra

O Paiaiá FC se destaca por sua curiosíssima história por onde quer que passe. Time ou “projeto Paiaiá FC” , formado por jogadores oriundos do povoado do mesmo nome, com uma população aproximada de 600 habitantes.

Em cada campo que vamos deixamos nossa marca, seja dentro de campo ou fora devido a postura correta dos jogadores que compõe o time.

Aceitamos o convite para jogarmos no CDC Januário, localizado no bairro do Campo Limpo, SP.contra a boa equipe do Unidos do jardim Comercial. Jogo as 7h00 da manhã, fria, diga-se de passagem, fomos apenas com 11 jogadores.

Escalação: 1 Sílvio, 2 Márcio, 3 Zé Elson, 4 Rui, 6 Thiago; 5 Gabriel, 8 Neto, 10 Uilton, 7 Binho; 11 Tunico, 9 Flávio.zucker

Em um campo pequeno, com pouco espaço para o toque de bola, torna-se mais difícil para um jogo em bom nível técnico.

Até o time se  “encontrar” em campo, sofremos um pouco de pressão devido ao fato relatado acima. Pressão essa, que levou ao time dá um pequeno vacilo e tomar o primeiro gol do jogo.

Deferente de outros jogos que sofremos o gol primeiro, nesse jogo conseguimos manter a tranquilidade e a mesma postura dentro de campo.  Só assim poderíamos superar tais dificuldades encontradas .

Vale destacar  no primeiro tempo , mesmo com a desvantagem no placar tempo, as atuações  do zagueiro Zé Elson, Neto e Uilton. Esse que a cada jogo vem “comendo” a bola.14937473_1791935127740799_5527965013142478525_n

A volta para a etapa derradeira foi confiante que poderíamos fazer o gol de empate.

Com Neto jogando muito, Uilton nem se fala , Binho chamando o jogo, e o nosso sistema defensivo não dando espaço para o adversário, era questão de tempo para fazermos o gol. Nossa defesa que não perdeu uma bola sequer de cabeça. Bom posicionamento e vontade ficava evidente em cada bola tirada. Márcio pela direita não dava moleza para o ataque adversário.

O gol teria que vir com ele . Binho, artilheiro da temporada, fizera seu décimo segundo gol em 12 jogos em sua jogada típica: recebe, põe na frente e chuta forte , na diagonal, rasteiro, sem chance para o goleiro.logo-arena

Flávio e Tunico, os dois homens mais avançados, tinham a missão de incomodar a defesa adversária.Mas faltou esse detalhe aos dois no jogo de hoje.

Mas quem ficou devendo uma atuação melhor hoje foi Gabriel. Não conseguia se encontrar em campo e errava passes que não costuma errar. E, coube a ele fazer o gol da virada depois de receber passe cruzado de Binho.

Claro que ir a campo sem jogador reserva é ruim. Mas como os jogadores do Paiaiá FC não gostam de serem substituídos…. Por estarmos sem jogador no banco, terminamos o jogo com um jogador a menos depois da contusão de Flávio.

Confesso que é gostoso sair de campo com uma vitória de virada. Se não foi uma partida excelente tecnicamente, foi uma demonstração de garra e vontade de superar tudo e a todos.

Acredito que os dois melhores em campo hoje tenha sido Uilton e Zé Elson.

Parabéns a todos.

Nosso abraço hoje vai para o amigo e  conterrâneo Antônio Matos . Ele que mora na cidade  de Bady Bassitt  – São Paulo.

Paiaiá Futebol Clube, mais que um time !

 

 

One comment

  1. Mais um grande jogo do PFC. Alguns comentários que ouvimos, sejam dentro do campo por jogadores ou fora por apreciadores do PAIAIÁ, nos deixa muitas vezes irritado ou triste. Mas, o PFC é bem maior que esses detalhes. Fico muito feliz por fazer parte deste time e acredito que devemos jogar cada jogo como se fosse o último para construirmos nossa História, pois essa é nossa História, por mais simples que seja devemos dar a maior importância.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *