Arena 107, eu me lembro…

Este campo tem histórias e estórias!

Nos babas, a toda hora.

Os 500 gols de Alcides ;

Os mais de 500 de Alcindo ;

Depois de começado o baba, alguém dizia: lá vem vindo.

Atrasado, como sempre.

Dentro de campo era rápido, ligeiro…
Como as  vacas que botaram Marcos de Losinha, para correr ;

O pente de Si de Matinhos ;

Não tirava do calção, jogava com ele escondidinho.

As bicicletas de Baé 

Tire a cabeça da bola , ele ia com fé.

A classe do menino  cabeção ;

A elegância de quem parecia que dava um passe com a mão.

O drible de Alcindo em Juarez ;

Se o pegasse seria com “estupidez” .

A velocidade de Marcelão;

Pés no chão.

Ah, os  gols perdidos por  Luizão ;
O avestruz que eu levei ;

Nem lembro!

Prefiro as defesas de Rui que voava ao céu.

Assim eram as defesas de Géo ;

A dupla infernal, Uilton e Alcindo ;

E várias outras histórias, de um tempo que não volta.

Nos restas as lembranças dos bons momentos em nosso terrão.20160121_165700

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *