Dany Costa do Paiaiá e Seu Dom para Jogar Futebol

A Inglaterra e a Escócia realizaram a primeira partida disputada entre mulheres em 1898. A primeira partida no Brasil ocorreu em 1921, entre as senhoritas tremembenses X as senhoritas catarinenses. O primeiro time feminino do país foi o Araguari Atlético Clube, em Minas Gerais e iniciou as atividades em dezembro de 1958.

A prática do futebol feminino sempre teve muitas dificuldades no Brasil. Chegou até a ser exibido em circos como atrações curiosas. Existem várias questões que explicam o preconceito e os aspectos culturais de uma sociedade são fundamentais para o número pequeno de escolinhas focadas no futebol feminino. As crianças aprendem que homem realiza o trabalho e a mulher fica em casa cuidando da família. Isso ocorre em vários países e as mulheres ainda são oprimidas e desrespeitadas.

As mulheres que decidem seguir essa carreira sofrem com a falta de incentivo e o preconceito de uma cultura machista. É um esporte considerado amador, mas é preciso ter vocação.

No Paiaiá, Bahia, um povoado com 500 moradores , não é diferente. Lá , Dany Costa nasceu com o “dom ” para jogar futebol. Por paixão intensa pelo esporte se desloca para Nova Soure para a prática do esporte mais querido do Brasil no time do Estrelinha. Time esse, comandado por um grande

incentivador do futebol feminino em Nova Soure, Juarez.12782375_1123175137716273_712595624_n Que batalha sem nenhum incentivo financeiro para manter vivo a esperança de meninas que assim como Rafaela , jogadora da seleção brasileira, natural de Cipó, Bahia, cidade vizinha a Nova Soure, lograr um lugar ao sol.

Dany, uma meia-direita de grande talento , talvez tenha nascido no lugar errado, graças ao seu potencial e sua força de vontade, batalha não para ser uma jogadora profissional mas pelo prazer de jogar na várzea o futebol feminino.

Num esporte machista , amador, que encontramos talentos para jogar futebol.

Parabéns, Dany.

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *